2 de junho de 2009

Feira do Livro de Santa Cruz do Sul - Dia 3

Tirando o frio, que chegou para ficar, pouca novidade.

Algo digno de nota foi o quanto o livro Crianças Refugiadas de Moçambique: Um Drama na África, chama a atenção de nossas crianças. Chegam aos montões, olham para a barraca e somente nesse livro é que se demoram. Pela capa, acredito eu.


Ontem, alunos de uma escola estadual com idade entre 09 e 11 anos fizeram o ritual. Uma garotinha começou a perguntar de quem eram os pés da capa e passou a folhear o livro. Cada foto virou uma aulazinha sobre pobreza, higiene, alimentação; sobre África e seus problemas, enfim (que diga-se de passagem só fiquei sabendo depois de ler, reler e editar o livro da Grace).

No final de nosso papo, que deve ter durado a eternidade de uns 15 minutos - o que não evitou que se formasse uma rodinha na barraca - a tal menina me olha e diz:

"E a gente reclama em casa... A gente tem de tudo aqui!"



David

4 comentários:

Ângela Coelho disse...

Nossas crianças são muito observadoras e comparativas. A capa do livro da Grace foi muito bem escolhida e mostra a realidade, infelizmente de muitas crianças também do Brasil.

Rosamaria disse...

É emocionante! Este nlivro da Grace vai dar o que falar!
Bjim.

Lu Cavichioli disse...

Cosncientizar nossas crianças é muito louvável.

Sucesso para a Grace e seu livro.
Abraços da Lu

Madalena Barranco disse...

Ahh, que criança consciente! Serei assim quando crescer? Rsrsrsr.

Parabéns à Grace pelo sucesso.

Beijos